O amor é a compreensão
E sua pureza plena
Além da filosofia de Platão
Alma sempre serena

Não se trata de algo físico
Pelo instinto animal
Mas admiração pelo íntimo
O interno e racional

A postura da consciência
Os atos e sabedoria
Sua mais pura essência
Qua causa na alma alegria

Atravessando pela cidade
Apenas cruzaram o olhar
Mas voou com a liberdade
Mergulhando no próprio mar

Cada qual no seu caminho
Seguindo a direção
Arrancando seus espinhos
Cuidando do coração

Que não sofre variação
E não se abala com sentimentos
Compreende cada situação
Não dá lugar para lamentos

É preciso conhecer-se profundo
E discernir o que é o amor
Não há nada no externo nesse mundo
Que compare ao seu resplendor

O amor é a compreensão
E sua pureza plena
Além da filosofia de Platão
Alma sempre serena

Por Michele Mi 
Tema sugerido por: Renata Damasceno – Unaí/MG

Participe você também dos poemas! Faça sua sugestão enviando um tema. Ele será veiculado aqui e no site www.razaodavida.com acesse!