Nos lábios um sorriso tímido
Mas qual o segredo do seu coração
Lá no profundo, no mais íntimo
Qual é a verdadeira intenção?

O que planta em sua terra
O que guarda em seu relicário?
Não deixe crescer a semente
Que faz seu imo um mercenário

Vejo as almas carentes
Desprovidas de amor
Da compreensão estão ausentes
No peito o vazio e a dor

Tudo que nos completa
Não está do lado externo
A mente precisa ser aberta
Para desbravar o próprio universo

A simetria perfeita
Já habita dentro de nós
A vida torna a alma preciosa e eleita
Protegendo-a desse mundo atroz

Deixe tudo fluir naturalmente
Como o rio que corre para o mar
Plante o bem constantemente
E na estação correta ele irá brotar

Tudo desse mundo passa
As pessoas, os bens e os dias
A consciência sábia com o pó não se enlaça
Mas voa livre com a sabedoria

Tudo que nos completa
Não está do lado externo
A mente precisa ser aberta
Para desbravar o próprio universo

Por Michele Mi 
Tema: Rogério Sagaty – Apucarana/PR