Contemplo a perfeita analogia
Entre a consciência e a mulher
Na companhia da sabedoria
Consegue-se o que quer

Determinação tamanha
Faz-nos superar as adversidades
Manter em pé a esperança
Pela verdadeira liberdade

A força está no interno
E na estrutura mental
Grandioso é o nosso universo
Um complexo abissal

Batalhadora e sensível
Defensora da igualdade
A compreensão eleva o nível
Mostrando-nos o que é humildade

Mulheres resistem
E a consciência também
A alma é indestrutível
Não seja do engano refém

Não somos menos e nem mais
E cada um tem seu papel
A consciência é perspicaz
Para enxergar além do véu

As lutas são constantes
A todo instante sem parar
A vitória é sempre radiante
Resistir é suportar

Mulheres resistem
E a consciência também
A alma é indestrutível
Não seja do engano refém

Por Michele Mi 
Tema sugerido por: Ação poética Só em Cena (Dois Coelhos Comunicação e Cultura) – Maringá