E Ele tem me abençoado grandemente! Todos os dias tem derramado sobre minha cabeça Sua abundante chuva! Eu que vivia na sequidão, hoje sou regada por Suas maravilhosas águas que me deixam ávida e suprem a minha sede. Sim, o senhor tem me abençoado grandemente! Em todo o tempo alimento-me dos pães que descem do céu, que causam imenso prazer e satisfação ao meu paladar, saciando minha fome. Eu, sou um dos vasos onde a semente foi lançada para ser germinada e é preciso revolver a terra, tirar as impurezas impróprias para o seu cultivo, adubá-la e regá-la com os nutrientes próprios e eficazes, para que não se perca ao longo do caminho por se achar em terra seca e árida. O processo para tal, certamente culminará em um lindo desabrochar no jardim do reino eterno, onde serei mais uma a exalar o doce e suave cheiro de Cristo!

Por Loir Xavier