Eternidade é para as consciências somente mais uma palavra aleatória usada dentro do contexto em que se desenrola uma conversa. Sabem que existe uma eternidade e que o fim do caminho culmina nela. Entretanto, saímos de uma eternidade inconsciente e agora seguimos para uma definitiva, consciente. Fomos inseminados, nascemos, crescemos, produzimos a consciência e manifestamos todas as coisas que existem. Tomamos ciência de Deus, o Criador! Porém, ao produzirmos o fruto, a consciência, nos ligamos ao seu pé, a carne, a qual seria apenas o suporte para que tal feito se desse. Contudo, há dentro de cada um agindo a vida, o resgatador, o senhor, o nosso corpo eterno, o espírito Santo de Deus, que veio para que tenhamos vida abundante em nossas consciências, que é eterna, gozando de uma eternidade de delícias junto ao Senhor! Para tanto é mister conscientiza-lo, manifesta-lo e viver segundo Suas ordenanças, preparando-se ao longo do caminho para o dia da devida colheita!

Por Loir Xavier