Há tantos caminhos que levam a perdição, mas há somente um que pode dar a vida. A nós humanos foi nos dado algo por nosso Criador, que para nenhum outro animal foi concedido: o raciocínio. E esse se dá através da consciência que produzimos e suas múltiplas funções, a saber: pensar, raciocinar, formar idéias, determinar, agir, manifestar. Pelo raciocínio temos ciência de que nascemos na carne e um dia nela morreremos, isto é fato. Pelo raciocínio também enxergamos, manifestamos e testificamos que há em nós o espírito santo de Deus nos dando a vida e somente por Ele à eternidade. É apresentado a cada consciência dois caminhos: um longo e espaçoso, repleto de delícias e prazeres carnais, mas seu fim será o vazio eterno. O outro é estreito e apertado, mas que dará a condição de filho e herdeiro da vida eterna. “Porque o pendor da carne dá para a morte, mas o do espírito, para a vida e paz. Resta a cada consciência raciocinar e determinar sua escolha, se morte ou vida. Eu? Eu escolho o caminho da vida!

Por Loir Xavier