De passagem e não se sabe o tempo, por mais que o contemos em dias, horas, meses
anos…enfim ele pode ser duradouro ou passageiro. Mas o que importa realmente não é quanto tempo do tempo teremos, mas saber aproveitar deste tempo para buscar e concretizar na consciência a razão de estarmos aqui, desfrutando desse tempo. Pois há em cada um de nós uma chama acesa que nos permite o existir e o mover, que veio para nos conduzir de volta para casa quando o tempo aqui acabar, mas é preciso abastecê-la com o óleo da palavra, mantendo-a acesa até que ilumine por completo todo o breu enraizado pela existência carnal. Então quando Cristo, o espírito da vida, porção de Deus for por completo a nossa vida, manifestaremos com Ele a glória eterna, sendo parte do corpo de Deus! Então já não haverá mais tempo…Mas a glória eterna!

Por Loir Xavier