Todos desejam a eternidade e a terão. Na verdade desejam a imortalidade carnal, como em alguns filmes de ficção. Viver para sempre! Mas estamos dentro de um propósito e para sermos eternos com vida faz-se necessário que a matéria da qual somos constituídos, morra. E ainda, é primordial concluir em nossas consciências, pois é nela que a vida se dá, o processo para o nascimento no plano espiritual e eterno. Todos desejam a eternidade e a terão de qualquer forma, resta saber se: com a vida, que está no espírito de Deus que hoje vivifica a cada ser vivente ou no vazio do nada, sem vida por não ter-se feito um com Ele. Tudo foi preparado com esmero para que toda consciência se relacionasse com o senhor da vida e com ele tornasse ao lar, mas como se diz e vemos: dele não fizeram caso! Já tem por certo que a terão, de gozos celestiais viverão e nada as tira do engano que lhes dá tão confortável acomodação. Não brota, não renova, tudo pereceu!

Por Loir Xavier