Texto poetico: “Realização”

Seu globo ocular abriu, sem entender sentiu, janelas viraram rios, por quem chegou e coloriu. Sim, mais um nesta Terra, onde a sabedoria impera, gerações que nascem, outras que enterram, um ciclo natural que reverbera. Dentro de tudo isto há um intuito, a manifestação de um plano esquecido, interno, o qual foi sucumbido. Porque não olharam a beleza das coisas, viram, mas não contemplaram, o valor que não deram as folhas, seu cair enquanto ventava? Não buscaram o sentido, apenas seguem sem tino, e jogam no livre arbítrio a libertinagem de seus vícios. Querem ser realizados, mas qual seria a verdadeira realização, não seria descobrir-se infindável e trazer amor ao próprio coração? Tudo é perfeito vindo da parte de Deus, mas por seus próprios pés se perdeu, não compreendeu, não compreendeu que não é do seu jeito, e foi por sua mão que pintou-se em breu. Feche seus olhos e volte lá dentro, sinta a mão do céu lhe tocar, ponha à mesa os seus argumentos, mas queira saber o porquê de aqui estar. Ó criatura por que corrompestes esquecendo-se que deve a sua vida ao Criador, porventura não percebestes que sem Ele serás eterno em dor? És campo, manifestador, espelho e simetria do amor, tens poder de seres santo, semente perene da eterna flor. Esqueça o pó, ele é apenas pó, incline-se ao sol, torne-se girassol. Há uma eternidade à frente e não podemos apagá-la, insira o senhor na mente para que possa metamorfosear. Ser eterno clarão, ser a transformação, ser a realização, do Senhor da salvação.

Por Patricia C.