Todos os dias eu menciono este texto bíblico: portanto, assim diz o Senhor Jeová: eis que assentei em Sião uma pedra, uma pedra já provada, pedra preciosa de esquina, que está bem firme e fundada, aquele que crer nela não será confundido. Esta pedra é este espírito que já nos dá a vida, como Pedro disse: na verdade, rejeitada pelos Homens, mas para com Deus, eleita e preciosa, mas uma rocha de escândalo para quem tropeça na palavra ou no entendimento. Davi disse desta pedra assim: tirou-me de um lago horrível, de um charco de lodo, pôs os meus pés sobre uma rocha e firmou os meus passos. Esta rocha é o espírito e o charco de lodo é a carne. Jesus disse: aquele que ouvir as minhas palavras e as praticarem, compará-lo-ei ao Homem prudente que edificou a sua casa sobre a rocha, mas quem não praticar, compará-lo-ei ao que edificou a sua casa sobre a lama. Esta rocha, Deus já assentou em cada um de nós, que é este espírito que nos dá a vida, é só uma questão de as nossas consciências enxergarem e fazer desta rocha a sua vida. A consciência que se firmar nesta rocha, nunca será abalada e ela será o corpo eterno da consciência. Temos que deixar a carne que morre e assumir o espírito pela vida, se a tua consciência não fizer isto, cairá no vazio eterno quando a carne morrer, isto é tão certo quanto à luz do dia.

Eu sempre gosto de lembra-los que estamos dentro de um propósito e a nossa morte carnal é inevitável e não tem como reverter esta situação. Uma hora o espírito voltará a Deus, e a carne voltará ao pó. Se a tua consciência estiver ligada a carne no dia do juízo, sofrerá o vazio eterno com certeza. Hoje o espírito de Deus ainda está em nós, mas a tua consciência sabe o dia que ele voltará a Deus?

Por O teu espírito diz