E o povo hebreu chegou as águas de Mara, e elas eram amargas, isto é, venenosa, imprópria para o consumo. E eles chegaram até Moisés e relataram este fato, e Moisés pediu que eles trouxessem uma bacia com a água envenenada, e eles a trouxeram, e Moisés dando graças, levou a água até Deus, e Deus purificou a água da bacia. E Moisés pediu para que tornasse aquela água da bacia às águas de Mara, e foi o que eles fizeram, e toda a água de Mara tornou-se pura, e Moisés lhes disse: agora podem beber a água a vontade porque Deus a tornou pura, e todos saciaram a sua sede.

Hoje as águas que se bebem nas igrejas, é puro veneno, e aniquilam as consciências do espírito de Deus, e nós, eu e meus irmãos, purificamos esta água pela palavra da verdade de Deus, e saciamos a sede de saber das consciências, que até hoje só ouviram mentiras de enganos. E nós vamos lavando uma a uma com a palavra da verdade, e vamos purificando as consciências do engano para que o espírito de Deus a deseje para a sua morada eterna. Mas vejo que as consciências estão todas envenenadas pelo engano do diabo, que são estes escroques que induzem as consciências a carne que morre, e nós tentamos purifica-las com a palavra de Deus, para que elas bebam desta água pura, como Jesus disse: se alguém beber da água que eu lhe der, nunca mais terá sede, mas dele saltará uma fonte de água viva que jorra por toda eternidade. Não é o caso destes que tomam as águas destes pastores do diabo e morrem, mas a água que desce do céu dá vida para aqueles que a bebem. Estas são as águas do tanque de Siloé, que quem se banha nela sai curado de todas as doenças da alma.

Por O teu espírito diz