O que mostra o transformar de uma consciência são os atos dela, as ações de uma consciência é que mostram onde ela está ligada. Toda consciência busca o bem próprio, agora precisamos analisar o que é o bem para uma consciência, e reparando os atos dela, as atitudes, até mesmo o que ela fala, dá para percebermos onde ela está ligada e o bem que ela quer. É lógico que em toda família, cada membro busca uma família perfeita, mas perfeita segundo a visão de cada elemento familiar, daí a discrepância no entendimento e até as brigas dentro de uma casa, porque um quer de um jeito e o outro quer de outro. Mas o que toda consciência se esquece é que nós já temos uma história traçada por Deus neste mundo e se todos seguissem o script de Deus, este mundo seria uma maravilha. A vida que temos neste mundo é provisória e nós viemos a este mundo só pelo propósito de Deus, não viemos para outra coisa.

Se todos buscassem saber qual é o propósito e andasse por ele, fora deste mundo ser um lugar maravilhoso de se viver, ainda teríamos a nossa vida eterna lá no céu pelo espírito. Mas o problema é que todas as consciências se ligaram na carne e todos os objetivos delas estão nela, e mesmo sabendo que a carne morrerá, traçam suas metas neste mundo pela carne, não sabem nem se amanhã amanhecerão vivas, elas têm planos até para daqui um ano, dois anos, cinco anos, aqui no mundo é normal uma pessoa estar sobre pressão e mudar de vida, trocar de marido, de esposa, de emprego, de amigos, mudar de casa, mas continuam sendo a mesma pessoa.

Mas quando uma consciência descobre o propósito de Deus e vê que tem que mudar de ser, mudar de pessoa, mudar de personalidade, daí o caldo entorna e ela vê que é necessário mudar de ser pela vida eterna dela, pois a carne não tem vida própria, mas o espírito tem vida. E o que mostra que a consciência quer a vida eterna dela, são os atos dela em torno disso, a mudança de hábito, de costume, de pensamentos, de atitudes. Mas eu vejo as consciências andando com um pé lá e outro cá, isto é, elas querem a vida eterna do espírito, mas sem perder a vida deste mundo, querem conciliar as duas vidas, ou seja, querem viver pela carne e pelo espírito ao mesmo tempo, mas a respeito disso, Jesus disse: não se remenda vestido velho, com pano de vestido novo, pois fica maior a rotura, isto é, a pessoa passa a viver uma vida muito pior do que ela vivia na carne, fica como diz o ditado: cachorro de pobre quando cai da mudança, ele não sabe ir para casa nova, porque nunca foi e não sabe voltar para casa velha. A consciência fica totalmente perdida, desgovernada, não sabe se obedece ao espírito ou se obedece a carne, não tem decisão, e fica até uma coisa nojenta de se ver, como está escrito no apocalipse: não és frio e nem quente, mas morno, e isto causa náuseas em Deus.

Por O teu espírito diz